Qualquer coisa ou uma praia na Bahia


– Fica assim não –
diz o monstro, fazendo o amigo. – Vamos brincar daquele nosso jogo preferido que eu acabei de inventar.
– Você tá falando do “qualquer coisa ou uma praia na Bahia”?
– Sim, é disso mesmo que eu tô falando!
– Começa você.
– Nova York ou uma praia na Bahia?!
– Uma praia na Bahia!
– Berlim que é a nova Nova York?
– Uma praia na Bahia!
– Lisboa que é a nova Berlim?
– Uma praia na Bahia!
– Copenhagen que vai ser a nova Lisboa?
– Vai?
– Parece que tá super na moda. Não para, Copenhagen?!
– Uma praia na Bahia!
– Uma praia na Bahia! Uma praia na Bahia!

Este é o único jogo em que todos estão do mesmo lado. Ainda que mude a geografia, o melhor lugar para se ir será sempre uma praia na Bahia.
A praia imaginária na Bahia que seremos felizes.
Imaginariamente felizes.

Publicado por jô hallack

caótica, escritora, jornalista, roteirista, o outro blog é o defeito.com, rio de janeiro.