Mentira – ‘O pequeno livro das memórias fantásticas’

mentiraPor Domenico Lancellotti

Acreditava, eu ter (5) anos e roubava sempre na carteira da minha avó, na última prateleira do armário, a carteira de couro com estampa cor de laranja de fotografia desbotada, isso eu me lembro ou sonhei.

Ter roubado um maço de notas de um barão, dinheiro era só dinheiro eu não tinha. Depois fugir dos olhares da varanda escondendo na pouca roupa ir à esquina gastar de chocolates do bar.

– Tudo de chocolate!

– Tudo?

Seu Abili me levando pela mão dada e um choquito na outra.
Me expliquei pra varanda e minha voz fina na mentira

– Uma moça passou pela rua deixando cair um maço de notas quando quis avisar ela pulou e correu.

Não sei da reação das pessoas (acho que riram) mas até hoje das lembranças que tenho deste primeiro roubo a mais clara é a da mentira que contei. (No mês que vem, assalto ao clube militar com 16.)

dom*  “Mentira” foi publicado em “O Pequeno Livro das Memórias Fantásticas. Volume I: contravenção”. Domenico Lancellotti é músico e acaba de lançar um novo disco com sua nova banda, a Meia Banda. Você clica, escuta e baixa aqui!“O Pequeno Livro … ” foi lançado “por volta” de 2000, um microzine no melhor estilo papel e xerox.

Mais do Pequeno Livro das Memórias Fantásticas
“O comunicador do Aquaman” por Rodrigo Brandão (Gorila Urbano)