Europa

Na lua o maior dos oceanos Pra fazer deus rir: planos O mundo salgado debaixo do gelo eu me perdi num cacho do seu cabelo Um labirinto Um caracol Eu sou liberdade Você meu anzol E rabisco com letras tortas Esse universo que inventei Cheio de estrelas mortas

Antitutorial da vida

Não sei. Marcenaria, tricô, quais são todos os países da Europa, japonês. Minecraft, tocar violão, costurar um capuz de unicórnio ou panda. Técnica contra assalto de um roubo de bolsa. Em dois golpes. Olho gatinha com delineador. Falar “Rihanna” direito. Me atrapalho. Também. Na diferença de quati para guaxinim. Sei. Receita de tiramisú. Contar abismos.Continuar lendo “Antitutorial da vida”

A mulher impossível

Em outras rodas, e pelas ruas, e pelas bocas, em velhas juras. Em novas dores, com outros homens, em todas camas, e desamores. Nos mesmos erros, antigos trastes, em todas brasas, no carnaval. Sempre nos bêbados, nos seus rascunhos, nos infelizes,  na solidão. A mulher impossível está do outro lado da porta.