De esquerda errante

a situação

O encontro é para analisar a situação do país. Depois da fala de dois grandes nomes da esquerda, um intelectual fumante pede a palavra: – Estou aqui ouvindo e me veio uma dúvida paralisante. Breve pausa. – Me jogo desta janela ou daquela outra? Risos nervosos . Alguém intervém. – Que bom que é paralisante . Assim você não se joga de nenhuma delas. Um artista do outro lado da sala interrompe. – Jamais me jogarei. Tenho mais de oitenta anos. Sobrevivi à ditadura. Vou sobreviver agora também. E olha fiz de tudo pra sobreviver. Só não vendi maconha. Mais…

Na muvuca

Na muvuca, no gargarejo, no aperto da multidão do lula livre. Ouvi assim. Um pedaço de conversa. – Qualé . Minha mãe fazia salgadinho pro Brizola . Rio, ti amu disgraça.