De maistextos

Chamego

Ela sempre do meu lado. Calcinha e moletom e suas meias velhas, seus cabelos embaraçados cheios de nós. Quando acordo querendo ser heroína, ela chega mais e diz: “precisa não”. Abro a janela, o sol gigante e ela propõe: “por que a gente não finge que está chovendo?”. Ai, minha preguiça. Que chamego, você!

Hesistar

– Segura na minha mão e vem comigo, não pensa em mais nada! – Posso dar a resposta até quando?

Com que sonham os heróis

Dentro de mim mora um herói Deitado na praia sol de fim de tarde E é pra ele que eu danço E é pra ele que eu peço Eu já estive neste lugar os grãos de areia grudados nos pés Brisa, maresia, um sono bom Acorda, meu bem

Inventário

De tudo que inventei Um inventário faço Eu dando corda, fazendo o laço E com as perdas e amores Fiz todas as outras cores

A estranha

Eu não sabia quem era ela e, quando fui ver, ela era eu. Eu, que tinha ido comprar cigarro na esquina faz um tempo e demorei pra voltar. Seja bem-vinda, a casa é sua, vou te fazer um café, um chá de hortelã gelado, um cafuné.

Confortos

A tradução é tosca goggle + eu acordando. Mas neste pós carnaval, a carta é linda, do Lewis Caroll para um amigo deprê. “Sempre que mudamos nosso jeito de viver, no começo, é mais irritante do que agradável. Meu primeiro dia (ou dois) no mar é um pouco deprê. Sinto falta das coisas que gosto do meu cotidiano e da mesma forma , no meu primeiro dia ou dois, quando eu volto [ pra casa ] , sinto falta dos prazeres do mar e fica muito clara a chatice da rotina. Em todos esses casos , a verdadeira filosofia ,…

Vou de mototáxi , cê sabe

Ele era um homem lindo, alto e eu na garupa da moto, saia curta levantando com o vento, marilyn monroe da via binário. Calor de mil graus, o herói entre os corredores minúsculos de ônibus e carros engarrafados no sábado de carnaval, velocidade da luz, luke skywalker na estrela da morte, adrenalina, desejo, fantasia, samba, suor e ouriço. E aí um de seus demônios, aquele que mora ali perto do fígado, te manda a letra errada. Nega, essa festa acaba já e é assim: você no chão, escoriações por todo o corpo e ainda tendo que explicar à liga das…

Foi válido o caralho

A vida do sujeito era nada. Quando morreu, deixou em testamento um único desejo, a frase para seu epitáfio: “foi válido”. Quando uma pessoa diz que alguma coisa foi válida – e essa pessoa, às vezes, sou eu – no fundo está querendo dizer que… Foi uma merda, uma porcaria bem grande. Como posso ter perdido meu tempo com isso? Mas fazer o que? Ser complacente com a existência medíocre. Então, foi válido. Quem garante que existe algo melhor para mim no mundo? Dia destes fui em uma peça de teatro com sucesso retumbante, atores internacionais, público hipster e ingressos…

Atrás das cortinas

Antigamente era assim: você queria uma coisa e tinha que ir lá na loja. E depois na outra. E na outra, na outra, na outra. Aí, depois de passar um dia caminhando suada, você finalmente tomava uma decisão e voltava para a loja escolhida. E comprava. Dava um trabalho enorme. Aí veio o processo civilizatório e criou os shoppings. Basicamente, continuou a mesma coisa, mas com a diferença de que você ficava andando em círculos e tinha ar condicionado. Mas aí o processo civilizatório veio de novo. E hoje, você só precisa apertar uns botões e um dia toca a…

Alguém chama o Reverendo Moon

Dizem que é o carnaval. Mas eu discordo. A verdadeira festa do diabo é o reveillon. Afinal, a gente já devia desconfiar de uma festa que se escreve assim. Nem chegou o Natal, mas a população mundial já foi acometida pela neura “onde é que você vai passar o reveillon”. É assim: alguém te faz…

Deus escreve certo

Estava com uma máquina de lavar quebrada faz mais de um ano. Finalmente chamei o técnico, ele era gato, usava uma camiseta incrível meio panteras-negras e tinha uma tatuagem. Falou que ia custar R$ 580. Chamei outro técnico, meio mirradinho, veio de jaleco, que você não dá nada pela pessoa, apertou o botão e a máquina voltou a funcionar. Cobrou só R$ 30, pela visita. Ok, Deus, entendi o recado! Favor não me mandar mais indiretas pelos eletrodomésticos. Fiquei um ano lavando louça.